terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Festeja traz grandes nomes do sertanejo atual a Florianópolis

Marília Mendonça - Divulgação
 
Conhecido por reunir os maiores representantes do universo sertanejo em um evento inesquecível para os amantes do gênero, o Festeja chega a Florianópolis no dia 28 de dezembro, quarta-feira, como parte da programação de verão do Music Park. Com edições realizadas nas principais cidades brasileiras, o festival já atraiu mais de 150 mil pessoas em todo país e traz à capital catarinense um show com grandes nomes da música atual.

Entre as atrações do Festeja Florianópolis, estão: Henrique & Juliano, Zé Neto & Cristiano, Maiara & Maraísa, Marília Mendonça, Kleo Dibah & Rafael e Marcos & Fernando.

O Festeja Florianópolis é realizado em parceria entre o Grupo ALL, a GDO Produções e a Workshow. O evento tem início programado para 20h. Ingressos antecipados, atualmente, já estão no sexto lote e disponíveis nas nas lojas físicas e pelo site da Blueticket.

Serviço

Festeja Florianópolis
Local: Music Park - Rod. Maurício Sirotsky Sobrinho, n. 1050, Jurerê
Data: 28 de dezembro de 2016, a partir das 20h

SKANK APRESENTA MINI TURNÊ EM COMEMORAÇÃO AOS 20 ANOS DO CD SAMBA POCONÉ

O show acontece no dia 17 de dezembro no P12. A apresentação faz parte de uma curta temporada de shows comemorativos do álbum 


Depois da turnê “Velocia”, que passou pelas principais capitais do país, o Skank apresenta sua turnê comemorativa de 20 anos do álbum “Samba Poconé”. O quarteto se apresenta no P12, em Jurerê Internacional, no dia 17 de dezembro, sábado. O Parador terá abertura dos portões às 14h e encerramento às 22h. Tocam também nesse dia os DJ’s André Maran e Pinho Menezes X Du Oliveira

SKANK
Depois da turnê “Velocia”, que passou pelas principais capitais do país, o Skank apresenta sua turnê comemorativa de 20 anos do álbum “Samba Poconé”. A série de shows acontece entre o final deste ano e começo de 2017. No repertório, a banda promete um bloco especial de "Samba Poconé", que trará as músicas marcantes desse trabalho, como “Tão Seu”, “Zé Trindade”, “Eu disse a Ela”, “Poconé”, “Garota Nacional”, “É uma Partida de Futebol”, entre outras. Junto à turnê, uma edição especial do álbum foi lançada em novembro, as lojas receberam o “Samba Poconé” triplo.

O primeiro CD da nova edição contem faixas originais; o segundo CD traz versões inéditas - entre demos e ensaios - dos arquivos do baterista Haroldo Ferretti; já o terceiro CD conta com arquivos de Dudu Marote - produtor da banda e traz algumas versões de estúdio e mixagens diferentes, faixas instrumentais, remixes , além da inédita “Minas com Bahia”.

Os dois discos inéditos que virão nesta versão tripla foram masterizados em Nova York por Chris Gehringer, engenheiro de som de Madonna e Carlos Santana.

SERVIÇO: SKANK

ATRAÇÕES: Show com Skank e a apresentação dos DJ’s André Maran e Pinho Menezes X Du Oliveira
DATA:
17.12.2016 – sábado
HORÁRIO: Abertura da casa das 14h às 22h
LOCAL: P12 - José Cardoso de Oliveira, Jurerê Internacional.
INGRESSOS ANTECIPADOS: Pista: R$ 60,00 (valores sujeitos à alterações)
PONTOS DE VENDA DE INGRESSOS ANTECIPADOS: ingressorapido.com.br, na loja Ingresso Rápido (Praça de alimentação Beiramar Shopping) e no P12
MAIS INFORMAÇÕES: 48 3284.8156 ou pelo email camarotesp12@parador12.com.br

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Florianópolis recebe show do Playing For Change em dezembro

O show inédito que acontece no P12, em Jurerê Internacional, reunirá 10 músicos de 10 diferentes países 

Clarence Bekker (Suriname)
Playing for Change Band realiza no dia 11 de dezembro, domingo, show no P12 em Jurerê Internacional. O evento que marca o encerramento da temporada 2016 do Jurerê Jazz, reunirá 10 músicos vindos do Suriname, África do Sul, Congo, Venezuela, Itália, Japão, Israel, Gana, Colômbia e França. A formação da banda inclui alguns dos melhores músicos do mundo. O resultado é uma fusão única de influências e talentos das ruas no palco. "Playing for Change" é um projeto multimídia criado com o objetivo de unir músicos do mundo inteiro em prol de mudanças globais. E eles fazem isso através do Playing for Change Foundation, que tem como missão, promover transformação através da música e da educação musical. O show dará continuidade à turnê que divulga a trilogia “Songs Around the World”, cujo último disco saiu no ano passado. A abertura da casa será às 14h, com apresentação dos DJ’s André Maran e Abel Silva. O show está previsto para ter início às 20h. Ingressos antecipados estão sendo vendidos no site Ingresso Rápido e também na loja que fica na praça de alimentação do Beiraram Shopping.

PLAYING FOR CHANGE
O primeiro show do Playing For Change no Brasil foi realizado em outubro de 2014 e reuniu mais de 1,6 mil pessoas na Ópera de Arame, em Curitiba. Na época, foram arrecadados mais de R$ 100 mil, o que viabilizou a criação da primeira escola Playing for Change no Brasil. O Instituto Playing for Change é uma organização sem fins lucrativos, que tem como objetivo criar e manter escolas de arte em comunidades carentes do mundo inteiro. O projeto chegou ao Brasil em 2014. A Fundação Playing For Change (PFC) no Brasil é o único órgão filiado a PFC Foundation localizado fora de Los Angeles, a décima escola PFC no mundo e a primeira na América Latina, localizada no bairro Cajuru, em Curitiba

Atualmente, a escola atende a 45 crianças, com aulas de musicalização, canto, ritmo (percussão), dança e inglês, nos períodos da manhã e tarde. Oito profissionais ministram as aulas na escola e são remunerados por meio dos recursos captados em eventos, como o show do próximo 11 de novembro.

A missão do PFC é produzir uma mudança positiva através da música e da educação artística. Hoje, a entidade possui outras 11 escolas em países da África e Ásia, como Tailândia, África do Sul, Gana, Nepal, Mali, Ruanda, Bangladesh e Argentina atendendo mais de 1.200 crianças. Além de ampliar o atendimento da escola em Curitiba para 120 crianças, a meta do instituto no Brasil é de construir novas escolas em outras comunidades carentes do país.

MÚSICOS

Tal Ben Ari “Tula” (canto, percussão) - Tel Aviv, Israel
Tula nasceu em  Tel Aviv, mas mora em Barcelona. Iniciou seus estudos de canto, piano e dança com 7 anos de idade, e gastou todo o seu tempo livre durante a infância cheia dessas atividades, mostrando uma paixão especial pela música. No processo de seus estudos, com seus professores, ela explorou diferentes áreas da música, como jazz, soul e folk mediterrâneo, também cantava no coro de sua cidade natal. Desde que chegou em Barcelona em 2005, Tula começou a trabalhar com diferentes grupos, enfatizando a formação de "08001" e, juntamente com solistas eminentes, vocalistas da cena musical, como "Peret", "La Lucrezia", entre outros. Ela ingressou como vocalista em 4 grupos do cenário musical atual em Barcelona. O famoso quarteto vocal cubano "Gema 4", o grupo "Asikides" de origem mediterrânica tradicional e o grupo "Los Moussakis" de influências dos Balcãs. Ela também está colaborando no novo projeto Electro Acapella "Man Ex Maqina" criado por Max Moya, da famosa banda espanhola "Ojos de Brujo", juntamente com Kumar, Mel Seme, Mu e Ayesha Mendham.

Titi Tsira (Canto) – Gugulethu, Cidade do Cabo, África do Sul
Titi é uma jovem que vem de Gugulethu, uma cidade Africana nos subúrbios da Cidade do Cabo, África do Sul. Criada por uma mãe atriz e um pai cantor, Titi começou a cantar em uma idade muito precoce. Desde então, ela tem desfrutado de uma carreira bem sucedida, tanto como música solo, e como membro de várias bandas. Desde 2009 ela é membro da banda Playing for Change. Sua música é uma mistura de soul e pop fundidos com influências africanas. Ela está animada para adicionar sua voz única e poderosa para o Movimento Playing for Change.

Clarence Bekker (Canto) - Suriname
Nativo do Suriname que se mudou para Amsterdam com 6 anos. Ele desenvolveu seu ofício em sua pátria adotiva e, eventualmente, levou-o ao redor do mundo com pouco mais do que uma guitarra amarrada às costas. Ele começou sua carreira de cantor com a lendária banda holandesa, Swing Soul Machine, onde ele era o cantor mais jovem em 20 anos. Ele cresceu e se tornou um artista de música de dança chamado CB Milton onde fez três álbuns na década de 1990. Atualmente, Clarence está vivendo em Barcelona, Espanha, colaborando com bandas como 08001 e DJs locais como Taito Tikaro.

Roberto Luti (Guitarra) - Livorno, Itália
Cresceu ouvindo blues e rock & roll, recorda seu pai, um grande amante da música que tocava em casa. Luti pegou o violão em torno de 8 anos de idade, e seu pai lhe ensinou o básico. Ele continuou aprendendo principalmente por conta própria, amando tocar violão e tentando combinar as linhas e o tom dos guitarristas nos antigos discos de blues. Quando era adolescente, Luti tocou em algumas bandas na área de Livorno, em seguida, aos 22 anos, abraçou seu antigo violão de aço nacional e foi para os Estados Unidos. Ele estava procurando por blues e aventura, queria viajar, tocar nas ruas e viver a vida. Foi para Nova Orleans em setembro de 1999 e deixou a Itália em 2008. Ele afirma que Nova Orleans lhe ensinou muito sobre música e vida. Luti conheceu o PFC em 2002, enquanto tocava na rua do antigo Big Easy. Mark queria vir para Nova Orleans para filmar músicos de rua, e precisava de conselhos sobre a cena na cidade, então ele pegou o número de um amigo (Keb 'Mo') de um músico de Nova Orleans (Anders Osborne) e o chamou. Acontece que Luti estava dormindo em sua casa e acabou atendendo o telefone. Quando Mark disse a ele o que ele estava fazendo, Luti explicou que ele tocava na rua todos os dias. Mark foi para a Cidade, os dois se encontraram e se deram bem, então mantiveram contato e se tornaram amigos. Luti se sente orgulhoso e honrado de ser capaz de ajudar a causa do Playing for Change com sua música. Como ele explica, tocar música é a vida dele, é assim que ele conhece amigos, como se diverte, como supera as dificuldades, e como viaja e compra o seu pão. Hoje em dia Luti toca tanto na rua, como em turnês a Banda PFC, um trio de rock/blues chamado TRES, e alguns de seus bons amigos de Nova Orleans e em todo o mundo: Niki LaRosa, Luke Winslow King, Lynn Drury, Washboard Chaz. Luti também gosta de estar envolvido em outros projetos sociais e musicais, tais como a Orquestra Caciuk e One Eat One Band, ambos localizados em Livorno, Itália.

Keiko Komaki (Teclado) – Kagoshima, Japão
Começou a tocar piano com apenas 5 anos de idade. Após a formatura na Kunitachi College of Music, ela rapidamente se tornou mais interessado no mundo da improvisação tocando funk, blues e jazz, em vez de suas raízes clássicas. No entanto, foi alguns anos mais tarde, onde ela aprendeu a música de New Orleans. Mais tarde, ela visitou New Orleans Jazz Fest e decidiu tomar um passo corajoso em 2006, mudou-se de cidade para se tornar um músico, apesar da oposição de sua família. Keiko atingiu seu objetivo musical na cidade. Pouco depois de se mudar para Nova Orleans, ela foi contratada pela Late Marva Wright And the Wild Magnolias como tecladista e ela fez turnê com eles até Marva falecer. Ela pode ser ouvida regularmente em Nova Orleans como um tecladista dos Brass-a-Holics, Vasti Jackson, Benny Turner & Real Blues, Gary Brown Band, e Connie G & o Creole Soul.

Mohammed Alidu (Percussao, Canto) - Gana
Mohammed Alidu nasceu na linhagem ‘Bizung chefes de bateria’ no Norte de Gana, estudou com seu pai a partir dos 3 anos de idade. O pai de Alidu ensinou-lhe a história da sua tribo, a cantar, e a linguagem do tambor como seus antepassados tinham feito antes dele. Com a idade de 5, Alidu estava acompanhando seu pai para apresentações no King’s palace. Estas performances ajudaram Alidu a abrir ainda mais o mundo da música para ele, enquanto ele ouvia diferentes linguagens de bateria. Vindo da cidade de Tamale no norte do Gana e agora com sede em Los Angeles, a música de Alidu tem um pé em seu legado familiar de 1000 anos atrás, de ritmos Bizung e ritmos pulsantes e outro no estúdio moderno com sons de clubes e salões de Nova York, Londres e Paris.
Essa versatilidade fez dele um PFC naturalmente e ele também já tocou com diversos artistas, tais como Peter Gabriel (on OVO), Baaba Maal, Tinariwen, Michael Franti, Ziggy Marley e inúmeros outros nos EUA e ao redor do mundo. Recentemente ele estava ligado com Benjamin Lebrave no label tastemaker Akwaaba para um conjunto de remixes. Uma coisa que podemos perceber é que ele se conecta com músicos e platéias por onde passa. Com base no álbum de voz e bateria de 2007 chamado Asisawa, que honrou o legado da sua família, Alidu fez uma demonstração importante sobre si mesmo importante em 2010 no moderno ‘Land of Fire’, que é cheio de vocais fortes, guitarras quentes, violões e trompetes. Lembra o trabalho de lendas como King Sunny Ade, Amadou e Miriam e outros.

Juan Carlos Portillo (Baixo) - Venezuela
Nascido na Venezuela, ele estudou no conservatório de música clássica onde adquiriu o seu conhecimento na teoria musical, que mais tarde viria a moldar suas habilidades como sideman em gravações de artista e produtor. Morando em Los Angeles desde 1996, Juan Carlos teve a oportunidade de desenvolver seu estilo e trabalhar em diferentes áreas do negócio da música, gravando e se apresentando com vários estilos de música, como Jazz, rock, Latin Funk, Hip Hop, entre outros.

Mermans Mosengo (Canto, Guitarra, Percussão) - Kinshasa, Congo
Após a sua chegada à África do Sul em 1998, Mermans entrou para a banda Jovem Bakuba, como bateirista e baixista. Depois de um ano na banda, ele descobriu que sua independência e estilo musical estavam sendo limitados, por isso decidiu se tornar um artista solo em 1999. Logo ele teve muitas demandas, se apresentava em diversas casas de show na Cidade do Cabo, no entanto, decidiu que preferia uma banda completa, que agora é conhecida como uma banda multicultural, Afro Fiesta.

Pablo Correa (Bateria) - Cali, Valle Del Cauca, Colômbia
Pablo Correa é um produtor musical, cantor, compositor, baterista e percussionista de Cali, Colômbia. Desde sua chegada a Los Angeles, em 2000, ele esteve envolvido em produções ao vivo, bem como no campo de gravação para artistas como Cristina Aguilera, Mariah Carey, Katie Perry, Playing for Change e Vilma Palma e Vampiros, ao longo de muitos outros artistas locais.

Mathieu Aupitre  (saxofone) - França
Conhecido pelo seu nome artístico "Mateo", é um saxofonista francês, vocalista e adaptador que reside em Barcelona. Ao mesmo tempo em que estudou de Jazz e musicologia em Toulouse, Mateo estreou na cena musical profissional com músicas do Oeste e Norte Africano, Afrobeat, jazz-funk e jazz afro-cubano em diferentes estágios, particularmente no Festival de Jazz Marciac e no Festival Tempo Latino. Desde sua sede em Barcelona, em 2008, Mateo colaborou com artistas como Anga el Indio de la Reve, Lazara Cachao, Robin Reyes, Laura Flores e Orbe Ortiz (Cuba), Bino Barros (Cabo Verde), Hugo Soares (Angola), Tal Ben Ari (Israel), Tchika (Moçambique), James Kakande (Reino Unido), e Clarence Bekker, uma das principais vozes da Banda Playing for Change. Além de seus concertos e gravações em estúdio em Barcelona, ele se apresentou na Colômbia, Cabo Verde, Suécia, Suíça, Áustria, Alemanha, Gana, Itália, Croácia, Ilhas Comores e em Nova York, onde conheceu Mark Johnson. Mateo está atualmente trabalhando em seu primeiro álbum como compositor e líder da banda.

SERVIÇO: PLAYING FOR CHANGE
ATRAÇÕES: Show com Playing For Change, com abertura dos DJ’s André Maran e Abel Silva
DATA:
11.12.2016 – domingo
HORÁRIO: Abertura da casa das 14h às 22h
LOCAL: P12 - José Cardoso de Oliveira, Jurerê Internacional.
INGRESSOS ANTECIPADOS: Pista: R$ 150,00 (valores sujeitos a alterações)
PONTOS DE VENDA DE INGRESSOS ANTECIPADOS: ingressorapido.com.br, na loja Ingresso Rápido (Praça de alimentação Beiramar Shopping) e no P12

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Programação do Verão 2017 no P12 Jurerê em Floripa promete!!

Jorge Ben Jor será uma das atrações do Verão 2017 no P12 - Floripa

Já começaram as vendas de todos os ingressos para a temporada de verão 2017 do P12, o maior Parador de Praias do Brasil. Como o verão será longo, com a terça-feira de Carnaval somente em 28 de fevereiro, o Grupo Novo Brasil apostou numa programação eclética nos mais de 30 eventos já confirmados. SIM! Mais de 30 eventos já estão confirmados!! DJ’s internacionais como Galantis, Kolombo, Robin Schulz, Jamie Jones, Lost Frequencies, Jonas Blue, shows nacionais com Titãs, Jota Quest, Jorge Ben Jor, Nando Reis, Os Paralamas do Sucesso, Henrique & Juliano, Wesley Safadão, Jorge & Matheus, Maiara & Maraisa, além dos DJ’s brasileiros com sucesso pelo mundo, como Elekfantz, Gui Boratto, Vintage Culture, são alguns do nomes desse agendão.

Mais informações: http://www.parador12.com.br/

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

João Bosco em Dose Dupla em Florianópolis! - #CoberturaRedutoDaMPB

 
Um dos maiores nomes da Música Brasileira, João Bosco, está de volta a Florianópolis, depois de 40 anos, para um reencontro muito especial.

Serão duas noites de apresentações no Teatro Álvaro de Carvalho (TAC), nos dias 26 e 27 de novembro.

Em comemoração aos seus 40 anos de carreira, o cantor, compositor e instrumentista, consagrado na cena musical da MPB e do samba, traz, nestes shows, uma coletânea com seus grandes sucessos, entre eles: O Bêbado e o Equilibrista, Papel Machê e Quando o Amor Acontece.

Nós, do Reduto da MPB, estaremos presente fazendo toda a cobertura desse momento histórico na cultura catarinense. Siga nossas Redes Sociais (Clique Aqui e veja a Lista Completa) e acompanhe com a gente! 


SERVIÇO

João Bosco - Voz & Violão

Quando: 26 e 27 de Novembro (2016)
Horários: 26/11(Sáb): às 21h  -  27/11 (Dom): às 20h30
Local: Teatro Álvaro de Carvalho - TAC. Rua Marechal Guilherme, 26, Centro, Florianópolis/SC.
Ingressos: No site: www.blueticket.com.br   e  na Bilheteria dos Teatros: Ademir Rosa (CIC), TAC e Pedro Ivo.

Produção Local: É Show! Produtora, de Florianópolis

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Folianópolis 2016 transforma Floripa na Capital do Axé durante 3 dias de muita música! #CoberturaRedutoDaMPB

 
Mariana Guimarães / Reduto da MPB


O Folianópolis 2016 foi mais um grande sucesso de público e atrações! Reunindo pessoas do Brasil inteiro, a Micareta mais Bonita do Brasil fez Floripa tremer.

Segundo informações repassadas pela organização, em sua 11ª Edição, aproximadamente 48 mil pessoas passaram pelos três dias de evento, que neste ano teve como tema o "Folia na Selva".

A abertura ficou por conta do querido cantor Saulo Fernandes, que trouxe sua alegria e carinho pra avenida, contagiando todo o público presente. 

Mariana Guimarães / Reduto da MPB

Ainda na primeira noite se apresentaram o cantor Tomate o o Grupo Harmonia do Samba, que relembraram seus principais sucessos, bem como homenagearam outros artistas. 

Mariana Guimarães / Reduto da MPB

"Mandei meu cavaco chorar!"


Mariana Guimarães / Reduto da MPB

Na segunda noite, as atrações foram Durval Lelys, Banda Eva e o Grupo É o Tchan .

Durval trouxe pra avenida toda sua energia e seus grandes sucessos desde os tempos da Banda Asa de Águia. 

Mariana Guimarães / Reduto da MPB

Encontro especial entre os trios de Durval e da Banda Eva:


Mariana Guimarães / Reduto da MPB

A Banda Eva agitou o Folianópolis e fez o público vibrar do início ao fim. O vocalista Felipe Pezzoni ainda surpreendeu o público ao descer e "navegar" no meio da multidão dentro de um bote inflável.


Mariana Guimarães / Reduto da MPB

O grupo É o Tchan, uma das atrações mais aguardadas pelo público, incendiou o Folianópolis com suas músicas que embalaram a infância e adolescência da maioria dos presentes. O momento foi de tanta festa que teve até pedido de casamento no trio elétrico.


Mariana Guimarães / Reduto da MPB

O furacão Ivete Sangalo, Rainha do Axé, fez o primeiro show da última noite do Folianópolis, lotando a avenida desde o início.

Mariana Guimarães / Reduto da MPB

Declarando todo seu amor por Floripa, Ivete cantou e se divertiu com o público presente, repleto de seus fãs.


Mariana Guimarães / Reduto da MPB

No trio de Ivete ainda houve a participação surpresa da apresentadora e dançarina Scheila Carvalho, que mostrou toda sua boa forma e simpatia.

Mariana Guimarães / Reduto da MPB

Em seguida, a Banda Psirico entrou na avenida com seu trio elétrico, cantando tanto os grandes sucessos de sua carreira quanto da música brasileira, fazendo um lindo coro com o público ao cantar "O que é o que é" do Gonzaguinha. 

Mariana Guimarães / Reduto da MPB

Encerrando com chave de ouro o Folianópolis 2016, a Banda Timbalada, com a força do vocalista Denny e de sua percussão contagiante, dominou a avenida e fez todo mundo sair do chão.


Mariana Guimarães / Reduto da MPB

Por fim, o público presente teve o privilégio de acompanhar, em primeira mão, o lançamento do Folianópolis 2017, que terá como tema: "Folia no Espaço" e irá ocorrer nos dias 02, 03 e 04 de novembro de 2017. Para o lançamento, um astronauta aterrissou na Passarela do Samba Nego Quirido e circulou por todos os espaços do evento.

 


Confira como foi a cobertura especial nas nossas redes sociais. Em breve, muito mais fotos e vídeos:

- Facebook: facebook.com/redutodampb
- Twitter: @redutodampb
- Instagram: @redutodampb  
- Snapchat: redutodampb 

Foram dias de trabalhos intensos, que realizamos com muito carinho e dedicação. Recebemos mensagens lindas dos nossos seguidores, que tiveram a oportunidade de acompanhar de pertinho com a gente todos os shows e bastidores da Micareta mais Bonita do Brasil! Coração cheio de alegria! Até o próximo!! #Folianópolis2017 #FoliaNoEspaço.

Reduto da MPB.

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Leonardo e Eduardo Costa agitam o Centro de Eventos Petry em Biguaçu/SC - #CoberturaRedutodaMPB



Leonardo e Eduardo Costa agitaram o público que compareceu no último dia 05 de novembro ao Centro de Eventos Petry, em Biguaçu/SC, com o Projeto Cabaré.

Com alegria contagiante e muita simpatia, a dupla percorre o Brasil com um grande espetáculo, interpretando grandes sucessos da música sertaneja e fazendo o público gargalhar com as histórias e piadas contadas nos intervalos entre as músicas. 


Leonardo e Eduardo Costa tem sintonia especial dentro e fora do palco e juntos realizam um dos projetos de maior sucesso nos últimos tempos. 

Em entrevista antes do show, a dupla, animada, falou sobre a alegria de estarem em Santa Catarina novamente e deixaram um recado especial para os nossos seguidores, que, em breve, publicaremos nas nossas redes sociais. 

sábado, 5 de novembro de 2016

Chiqueti - "De Cara"



Chiqueti é cantor e compositor, nascido em Lages/SC. Reside em Florianópolis desde 1995 e atua na cena catarinense desde os anos 90. Foi contrabaixista de diversas bandas, tais como Trauma (1995), igh Falls (1997 a 2001), Readhouse (Tributo a The Doors, 1998 a 2004), Type Mismatch (2000) e TonRock (2012 a 2016). Já tocou nas principais casas de Santa Catarina e também no Rio Grande do Sul.

Suas influências são as mais diversas, desde o rock clássico, bossa nova, tropicália, rock brasil anos 80, cena de Seattle dos anos 90 (grunge), Indie Rock da virada do século, entre outras. Suas composições passeiam entre a MPB, o Rock Clássico e o Indie Rock.

Lançou seu primeiro álbum, intitulado "De Cara", em dezembro de 2015, pelo selo fluminense Astronauta Music. Desde então, tem se dedicado exclusivamente ao seu trabalho solo, tanto em shows acústicos quanto com banda de apoio.

Atualmente, Chiqueti concorre ao troféu de melhor videoclipe 2016 no Prêmio da Música Catarinense. 


Ouça o disco "De Cara" no Spotify: 

quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Projeto Cabaré, com Leonardo e Eduardo Costa, chega ao Petry no próximo sábado (5) #CoberturaRedutodaMPB


Foto: Divulgação

Os cantores Leonardo e Eduardo Costa sobem ao palco do Centro de Eventos Petry, em Biguaçu, no próximo sábado (5), para apresentar o show do projeto Cabaré.

E, nós, do Reduto da MPB, estaremos lá fazendo a cobertura completa! Siga nossas redes sociais e acompanhe tudo bem de pertinho com a gente! Imperdível!

Lançado em 2014, com uma proposta que envolve repertório em torno do cancioneiro sentimental brasileiro, o trabalho logo se tornou um grande sucesso com mais de 500 mil cópias vendidas e é a concretização de um sonho dos dois artistas, que mostram uma química notória na maneira em que as vozes se encaixam. O projeto marca a primeira vez que Leonardo grava em dupla com outro cantor, desde a morte de seu irmão Leandro.

No repertório, a dupla explora as principais músicas sertanejas românticas já gravadas no Brasil, como “Blusa Vermelha”, do Trio Parada Dura, “Como Eu Chorei”, de Lourenço & Lourival e “Ainda Ontem Chorei De Saudade”, de Moacyr Franco (gravada por João Mineiro & Marciano). Mas também há espaço para outros gêneros e eles fizeram versões de “Princesa”, de Amado Batista, “Borbulhas De Amor”, de Juan Luis Guerra (sucesso no Brasil com Fagner) e “Garçom”, de Reginaldo Rossi.

SERVIÇO: CABARÉ - LEONARDO E EDUARDO COSTA

O que: Show Cabaré em Biguaçu (SC)

Local: Centro de Eventos Petry

Endereço: Rod. BR 101, Km 193 - Biguaçu/SC

Data: sábado, 05 de novembro

Abertura da casa: 21h30

Show principal: 00h45
Censura: 16 anos

Valores dos ingressos:

Pista Comum (3º lote): R$ 100,00
Pista Vip (4º lote): R$ 180,00
Espaço Premium Bistrô Compartilhado (1º lote): R$ 500,00
Espaço Premium Bistrô Inteiro (1º lote): R$ 3.000,00
Mesa Setor A (1º lote): R$ 300,00
Mesa Setor B (1º lote): R$ 250,00
Mesa Mezanino A (1º lote): R$ 1.000,00
Mesa Mezanino B (1º lote): R$ 800,00
Foto: Divulgação

Estacionamento: R$30,00
Ponto de vendas: Lojas Koerich e Centro de Eventos Petry
Vendas online: Blueticket, Minha Entrada
Informações: (48) 3954-2440 e 9168-7221 (WhatsApp)